Amigas…

Bom dia!
Convido vocês a lerem o texto a seguir, é um contra balanço ao texto “Amigos Amigos, mulheres à parte”, baseado numa história verídica que uma amiga me contou há alguns anos, espero que gostem.

Duas amigas conversam, ou melhor fofocam empolgadas em um salão de beleza, cenário principal para esse tipo de conversa, uma delas derrepente confidencia a amiga (e a todas  as outras fofoqueiras também, pois ouvido de fofoqueira é o mais afiado que existe):

– Amiga estou com pena do meu fofucho!

(Apelidinho sem-vergonha, de que adianta chamar o namorado de Tigrão pela frente, pra depois chamar de fofucho pelas costas?)

– Mas por que está com pena daquele traste?

(Sempre têm aquela amiga que odeia seu o namorado da outra, mas que na primeira oportunidade quando a outra largar o cara, ela agarra)

– Ele tem trabalhado demais, ontem a gente nem se viu, hoje marcamos de ir ao cinema, e ele vai ter que trabalhar até mais tarde.

(Enquanto isso, o namorado está trabalhando fazendo hora extra pra pagar as regalias da namorada)

– Meniiiiiiiiina! E você acreditou?

(Uma mulher quando fala “Meniiiiiiiiina”, pode ter certeza que a reputação de alguém vai descer pelo ralo)

– E não deveria?
– Não sei, você acredita no que quiser, mas posso dizer que todos os homens que conheço que são infiéis, usam a desculpa de ter que trabalhar até mais tarde para sair com a outra!

(Mulher é assim, quando um homem não presta, todos os outros também não prestam, mas quem se ferra é sempre o namorado da melhor amiga)

– Você está enganada, meu fofucho não é como os outros, você tem problemas com os homens sabia?

(Você batalha durante meses e até anos pra conquistar a confiança da gatinha, e uma jararaca com metros de língua consegue destruir isso em questão de minutos)

– Eu disse, você acredita no que você quiser! Só estou tentando abrir os olhos da minha melhor amiga, não estou dizendo que está acontecendo, só estou dizendo pra ficar esperta e desconfiar até da sombra!

(E essas jararacas sempre usam a amizade como chantagem emocional para convencer as inocentes amigas)

– Ai amiga, você acha? Eu não acredito nisso, meu docinho é fiel e me adora!
– Pois eu digo pra você, que é muito provável que ele até esteja trabalhando agora, fazendo hora extra pra poder pagar dois presentes, o seu e o da outra, sem contar no dinheirinho do motel mais tarde!

(Garota má, língua afiada, se a filha é assim imagine a mãe, coitado do genro)

– Nossa como você é malvada, não fala assim do meu fofucho.
– Muito bem, é isso que eu ganho por querer abrir seus olhos e te ajudar, não está mais aqui quem falou tá bom!

(Mais uma chantagenzinha emocional só pra não perder o costume)

– Tá não precisa ficar assim de cara feia.
– Hum! Só te pergunto uma coisa, você acredita nisso de que seu namorado é plenamente fiel? Tenho certeza que ele não é obrigado a estar trabalhando até agora. Mas vou parar de falar nisso você não está gostando nadinha do assunto.

(Pausa sugestiva para um longo pensamento refletivo de uma mais nova desconfiada namorada, que vai manter eternamente a partir de agora um pé atrás e um olho aberto)

– Será amiga?

– Você liga pra ele? Se liga, liga no celular ou no numero do escritório? No celular não adianta nada.

– Quer saber, vou dar uma ligadinha agora, não custa nada.

(Aí juntamos a pilantragem dessa amiga com o azar desse cara e podemos concluir que por falta de sorte ele estava no banheiro bem na hora que essa desconfiada namorada resolveu ligar)

– Caixa Postal amiga.

– Por que será hein?

(Moral da história : nós homens devemos nos preocupar com os ex-namorados? Devemos nos preocupar com os homens assanhados nas ruas? Devemos nos preocupar com os sogros que são ruins ou o cunhado que adora pedir dinheiro emprestado? Já não tenho tanta certeza)

Gill Nascimento

Anúncios
Deixe um comentário

1 comentário

  1. Boa! Realmente as amigas são as que mais influênciam…

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: