Brigando contra o tempo

image

Olá pessoal, tudo bem com vocês?
O tempo tem sido, desde que comecei a escrever, meu maior descarrego em letras, seja qual for o tema o tempo pode ser encaixado, afinal, tudo envolve o tempo, e dependendo de como ele seja tratado, os resultados podem mudar, mas pra quem me conhece a bastante tempo, sabe que nunca fui de elogiar o tempo, porque seria diferente agora?
Acho engraçado a maneira como o tempo trabalha…
Todos nós temos momentos na vida que gostaríamos de ter gravado em vídeo pra poder assistir sempre que quisermos, mas que infelizmente não aconteceu, e o chato é que com o tempo aquela lembrança que no começo era tão nítida vai se apagando. Pessoas importantes que se foram, com o passar do tempo seus rostos vão se dissolvendo em nossa memória. Todo mundo gostaria que a mente trabalhasse como se fosse uma memória em HD, tudo ficasse em seu canto, separado por pastas, disponível para nosso acesso sempre que quiséssemos relembrar, mas infelizmente as lembranças possuem data de validade. Ao menos é o que parece.
Agora quando a memória é ruim a coisa muda de figura, parece que quanto mais queremos esquecer, mais nítidas as lembranças ficam, rostos, nomes, palavras, cenas, parecem que nunca se apagam, quando nos fazem sofrer.
Todos nós temos pessoas que queremos manter sempre por perto, que a presença nos faz bem, que já fazem parte da nossa vida e da nossa história, mas infelizmente são essas pessoas que o tempo parece gostar de levar embora, são essas pessoas importantes que, com o passar do tempo se vêem obrigadas a se afastar, são essas pessoas que geralmente são obrigadas a ir embora pra longe.
No entanto, quando a pessoa é aquela mala, que nada nos acrescenta, que sua presença tanto faz ou incomoda, essas não se afastam nunca, e quando nós resolvemos nos afastar, mudar para longe, manter distância, lá vem o tempo e trás ela pra perto de novo, coloca ela no mesmo bairro, na mesma empresa, no mesmo prédio, e a gente diz ser ironia do destino, mas é mais cretinice do tempo, com todo seu sarcasmo trollador!
Você passa anos aprendendo algo, se especializando, dedica tempo, empenho, atenção e força de vontade, até se tornar um(a) expert, já planejando fazer disso seu ganha pão, pensando em juntar o útil ao agradável, afinal, você não aprendeu apenas por necessidade, mas também por gostar, mas aí as coisas não acontecem do jeito que você imaginava, e simplesmente você não usa essa nova instrução da maneira que queria, e com o passar do tempo, você acaba esquecendo aos poucos o que aprendeu, e ainda não encontra tempo pra se atualizar no assunto, renovar o que havia aprendido, quando dá por si, se pega se sentindo um completo amador novamente!
Mas quando o assunto é manias, palhaçadas, besteiras, nunca esquecemos, e com o passar do tempo as manias se adaptam, as besteiras se atualizam, as palhaçadas se renovam sozinhas, e você mesmo se condena por prestar tanto pra lembrar-se do que não presta!
Assim é o tempo, levando o que não era pra levar e trazendo o que não deveria trazer, mudando o que deveria permanecer igual, e deixando da mesma maneira aquilo que deveria melhorar. Ele não se importa com o esforço que fazemos para que as coisas aconteçam de maneira diferente, o tempo é uma criança mimada que não aceita nada mais do que sua própria vontade, aquela criança que não pára de gritar no corredor do mercado, enquanto você não colocar no carrinho de compras o que ela pediu. O tempo pode ser um grande amigo sim, mas na maioria das vezes ele prefere ser um carrasco.
Contra o tempo só nos resta esperar que ele passe, e que esqueça de vez em quando da nossa existência!

_

Gill Nascimento

Anúncios
Post anterior
Post seguinte
Deixe um comentário

36 Comentários

  1. Carrasco mesmo!
    Eu levo umas 100 chicotadas dele por dia…
    O tempo poderia trazer algo de bom e, depois, sair de férias.
    Assim poderíamos aproveitar melhor.

    Belo texto, Gill!
    Abraço!

    Curtido por 3 pessoas

    Responder
  2. Que o tempo esqueça da gente vez em quando mesmo!!! E nem me fale em memórias ruins, essas, infelizmente, tenho de sobra e me assombram sempre. Não saem da cabeça. Já alguns momentos legais que passei, acabo esquecendo com o tempo mesmo, vai sumindo falas, rostos e depois, já sumiu foi tudo hah 😛
    Beijo Gil :*

    Curtido por 2 pessoas

    Responder
  3. Jéssica Lopes

     /  14 de outubro de 2015

    “Assim é o tempo, levando o que não era pra levar e trazendo o que não deveria trazer…”
    O tempo é carrasco!
    Belo texto!
    Bom dia!
    :-*

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  4. Pois é meu amigo , esse é o tão famoso tempo que assombra todos nós.
    Quando nos damos conta ele simplesmente já passou,se viveu bem ,se não ,passou e ele não vai voltar..
    Além de ir embora , ainda leva tudo de bom com ele, porque o ruim nem ele quer .

    Arrasou no texto Gil.

    Um Beijo ❤

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  5. Só li verdades Gil, minha mãe sempre que o tempo sente prazer em judiar da gente, e eu concordo, o tempo adora nos torturar para ver se a gente pede arrego.
    Beijinhos 😘

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  6. Muito bacana! Fez despertar lembranças de momentos que já tinham adormecido na minha memória. Parabéns !

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  7. Nossa Gill😨
    Quando eu acho que você já fez o melhor, você chega e se supera.
    Será que me identifiquei?
    “Compositor de destinos
    Tambor de todos os ritmos
    Tempo, tempo, tempo, tempo
    Entro num acordo contigo… ”
    Assim como essa música seu texto me tocou profundamente. Nosso maior vilão é o tempo. ☺

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  8. Eu amei o texto e vivo xingando o tempo também, ele nunca colaborou comigo, e isso de que ele nos faz esquecer o que é bom, mas sempre lembrar o que é ruim, pura verdade, mais uma de suas crueldades.
    Parabéns e Bjinhus

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  9. Que briga ruim!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  10. Olá Gil!
    Eu brigo com o tempo o tempo todo! rsrsrs
    Memória ruim me assombra o tempo todo.
    Mais uma vez arrasou e fecho com você: Contra o tempo só nos resta esperar que ele passe, e que esqueça de vez em quando da nossa existência!
    Show!! Abraços

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  11. O tempo tem boa memória, que sempre aparece nos nossos rostos. É preciso inventar um Viagra contra envelhecimento.

    Curtido por 1 pessoa

    Responder
  12. Infelizmente o tempo sempre é cruel com as pessoas que amamos e sempre é bom com quem não gostamos muito.
    Seu texto tem realmente tudo a ver com a vida e o “tempo”, literalmente.
    Um grande abraço.
    Alex

    Curtir

    Responder
  13. O tempo é carrasco é amigo… Depende do ponto de vista. No momento está sendo um carrasco comigo, até porque a minha memória é um tanto quanto fraca hehehe beijos!

    Curtido por 1 pessoa

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: