As 5 Mais… Mães e a Internet!

Achando que o mundo não estava bom o suficiente, alguém criou a internet…
E não é que o Sr. Timothy John Berners Lee acertou em cheio, porque sua invenção acabou com o tédio de muita gente, além de toda praticidade que trouxe ao mundo.
O único problema nessa criação, foi que ela se tornou popular tarde demais para a geração das nossas mães, claro que muitas levam jeito pra coisa, mas em contraste com elas, tem àquelas mães que por mais que tentem, todos os dias temos que ensinar as mesmas coisas para elas, como se a informação não ficasse em suas mentes.
A minha mãe é uma dessas, e pensando nas risadas que sempre dou por causa dela e de suas habilidades como internauta, resolvi fazer hoje um Top 5 de curiosidades sobre mães e a internet.
Vamos As 5 Mais de hoje…
 
 

PRIMEIRA CURIOSIDADE

 

Mães e Webcams.
Por estar viajando a trabalho, recentemente minha irmã apresentou para a minha mãe o Skype, porque convenhamos, o roaming internacional das operadoras de telefonia brasileira ninguém merece, e a relação que minha mãe vem tendo com a webcam, na hora de falar comigo, é hilária.
Todas as vezes que ela me liga tenho que falar as mesmas coisas:
“Mãe, a senhora está muito perto da câmera!”
“Mãe, agora a senhora está longe demais, não estou te ouvindo direito!”
“Mãe, apenas sente na cadeira normalmente em frente ao computador.”
“Mãe, normalmente a senhora fica colocando a cara em frente à câmera assim?”
E quando ela se lembra que basta olhar no monitor que verá no quadradinho menor, como ela está aparecendo, aí fica tentando se ajeitar, e acaba esquecendo de conversar.
 
 

SEGUNDA CURIOSIDADE

 

Mães e Redes Sociais.
A maioria das mães são meio que padrão, por isso abandonei meu primeiro Facebook, onde se encontra toda minha família, porque não conseguia aturar minha mãe e minhas tias.
Minha mãe parece que monitorava o Facebook 24 horas por dia.
Se eu saísse com os amigos e postasse uma foto com eles num bar, ela já comentava perguntando se eu estava de carro, ou algo do tipo “Tem tempo pra ir beber com os amigos, mas não tem tempo pra vir fazer uma visita né? Não vou curtir essa foto!”.
Eu me segurava para não bloquear a velha nessas horas. E quando ía vê-la, a primeira coisa que perguntava era o porquê de eu não ter respondido seu comentário, mas ter respondido os dos outros.
Mas além dos micos que as mães nos fazem pagar, tem outra coisa que elas sempre fazem, não podem ver uma corrente, que compartilham, desconfio eu que, são nossas mães que criam essas correntes, porque não sei de onde surgem. Certa vez briguei com a minha irmã por isso, porque é outro padrão, são sempre os filhos mais novos que ensinam as mães a usar o Facebook, e a minha irmã além de ensinar a minha velha a compartilhar as correntes, ensinou ela a sair marcando todo mundo. Até hoje tem umas 100 postagens pendentes da minha lá no meu Facebook.
 
 

TERCEIRA CURIOSIDADE

 

Usando o celular.
Quando eu vou na casa da minha mãe para almoçar, sempre dou boas risadas, minha mãe é daquelas que limpam a casa todos os dias, faça chuva ou faça sol, e depois que termina a faxina, começa o preparo do almoço. Antigamente, após terminar tudo, e também almoçar, ela se sentava no sofá, ou para assistir TV, ou para ler a Bíblia, mas hoje em dia as coisas mudaram.
O processo é exatamente o mesmo, ela limpa a casa, faz o almoço, almoça, e depois ela pega um pequeno cobertor, arruma as almofadas, se ajeita no sofá, cobre as pernas com o cobertor, pega seus óculos e os coloca, e então pega seu celular e começa a compartilhar suas correntes no Facebook e nos Grupos da família no Whatsapp.
Mas o engraçado das mães, é que nem toda a prática que elas possuem de anos escolhendo o feijão antes de cozinhar, faz com que elas digitem rapidamente, porque não sei a de vocês, mas a minha só digita com o indicador direito.
Antigamente ela lavava a louça do almoço depois da novela do “Vale a Pena Ver de Novo” na Globo, agora ela só lava depois que termina de fazer o que tem pra fazer no Facebook e no Whatsapp, geralmente junto com a do jantar. E quando penso que só vou ver postagem dela no Feed do Facebook, ela só postou uma foto de frases bíblicas e um “Boa tarde amigos do Face!”.
 
 

QUARTA CURIOSIDADE

 

Postando fotos.
A minha mãe, geralmente, posta mais as mesmas imagens que ela recebe no Whatsapp, com pensamentos ou versículos bíblicos, mas ela adora postar também as fotos das suas proezas culinárias, que geralmente me levam direto pra sua casa pra filar a bóia, porque é sério, parece até que as fotos tem o cheiro da comida.
Mas o engraçado mesmo são as fotos dela mesma, já presenciei algumas brigas dela com a minha irmã, que geralmente é a fotógrafa. Minha irmã reclamando que de trocentas fotos que tiraram, ela queria postar justamente a mais feia.
E pra foto do perfil então, sempre soltam o cabelo, passam uma escova, um creme, penteia daqui, penteia dali, e no final tira uma foto até legal, mas na hora de postar, corta a foto, e então fica parecendo uma foto 3×4 de RG.
 
 

QUINTA CURIOSIDADE

 

Se perdendo em alto mar.
Se navegamos pela internet, então podemos dizer que nossas mães não possuem nem bússola, nem mapa, na verdade enquanto nós navegamos, elas deveriam ficar naquelas piscinas infantis onde a água só vai até o joelho. Mas não, elas querem ir em alto mar, e de vez em quando elas se perdem.
É muito comum, quando minha mãe está entretida em seu Facebook, de repente ela falar “Aí Jesus, como eu vim parar aqui?”, “Meu Deus, o que isso?”, “Sangue de Jesus tem poder!”, “Giovanna, me ajuda, como eu saio desse negócio aqui?”. Giovanna é a minha irmã, que sempre tem que salvar a velha, porque, aparentemente, ela não pode ver um link que sempre clica, e não me perguntem como, mas sempre acaba indo parar em algum site pornô.
 

_______________________________________________________

_______________________________________________________

 

Por hoje é só pessoal, mas na próxima terça tem mais, só não me perguntem o tema, pois ainda não sei, vocês não gostam mais de mim e não me mandam mais sugestões. (risos)
Uma ótima semana para todos.
Abraços!

 

 

 

Gill Nascimento

Anúncios

As 5 Mais… Piores tipos de namoradas!

Desde os tempos maremotos existe um dito popular que sugere erroneamente que todos nós homens somos iguais, e nós homens não nos atrevemos a discordar das mulheres que dizem isso, em contra partida nós homens não entendemos as mulheres, justamente por serem cada uma peculiarmente diferente da outra, arriscaria dizer que cada uma é louca do seu próprio jeito, mas tenho medo de que vocês, leitoras, descubram meu endereço.
Mas essa diferença (loucura) fica ainda mais acentuada, quando mulheres se tornam namoradas, e atendendo o pedido da amiga Clara Mendes do Blog Psicologia e Algo Mais, vou listar hoje um Top 5 dos piores tipos de namoradas. Claro que nem todas as mulheres são assim, e creio eu que vocês, queridas leitoras não se enquadram nessa lista, mas caso se identifiquem, não se esqueçam que eu sou um cara legal e tenho uma filha de 7 anos para criar.
Mas vamos As 5 Mais de hoje…

 

 

PRIMEIRO TIPO

 

 

A desconfiada e controladora.
Dá trabalho namorar uma mulher assim, eu prefiro mil vezes uma tornozeleira eletrônica monitorada pela federal, sem sair do meu próprio quintal.
Conheço alguns amigos e até familiares que deram esse azar. Certa vez fiz um trabalho freelancer para uma determinada marca de celular, e no final ganhei alguns aparelhos que dei de presente para alguns amigos, logo quando surgiu a chamada de vídeo nos celulares, um desses amigos me devolveu, porque sua namorada comprou um com a mesma tecnologia, e só ligava pra ele via câmera, e fazia ele sempre mostrar o ambiente onde se encontrava, para ver se ele estava falando mesmo a verdade.
Sabe a brincadeira de rastrear o namorado? Conheci uma garota que fazia isso com o namorado, quando deu um iPhone pra ele de presente, já com uma conta criada, e o inocente não criou uma conta própria no ICloud.
Se isso acontecesse comigo, sinceramente, eu terminava, me mudava e não dava o endereço pra ninguém, só por segurança e garantia.

 

 

SEGUNDO TIPO

 

 

A ciumenta e brava.
Esse tipo é ainda pior que o primeiro, justamente porque, às vezes, pode desenvolver as características do primeiro tipo, e essa mistura é enlouquecedora.
Esse tipo de namorada é aquele que questiona os nomes femininos na agenda do namorado, que odeia todas as amigas e colegas de trabalho dele, que dá showzinhos e xiliques com muita frequência, e que tem o dom em nível máximo da investigação, que inclusive já mencionei em um post dessa categoria, elas vêem de longe um fio de cabelo, sentem a quilômetros de distância um perfume diferente, e qualquer mancha na sua camisa vira mancha de batom.
Esse tipo de relacionamento exige de nós homens muita paciência, e um grande repertório de pedidos de desculpas, já que sempre estamos errados, e olha que nem precisamos de uma namorada ciumenta e brava para estarmos nessa situação.

 

 

TERCEIRO TIPO

 

 

A manhosa carente.
Haja paciência pra esse tipo de namorada, tudo bem na TPM, mas todos os dias não dá. Esse tipo de namorada é aquele que gosta de falar com voz infantil, colocar apelidinhos ridículos, não aguenta ficar um dia sem ver seu namorado, gosta de ligar dez vezes ou mais por dia, e quando o namorado diz que está ocupado e não pode falar, manda mensagem pelo Whatsapp, como se isso atrapalhasse menos.
Mas a pior característica mesmo desse tipo de namorada, é o grude durante todo tempo quando estão juntos, é legal um pouco de romantismo na relação, mas nem todos os momentos são propícios. Assim como não só as mulheres, mas os homens também, gostam de saber que são amados, também gostam de ter seu próprio espaço pessoal, e comer sozinhos sua sobremesa predileta, ao invés de dividir. Mas isso não rola quando o relacionamento se enquadra nesse caso.

 

 

QUARTO TIPO

 

 

A dramática chorona.
Esse tipo exige muita paciência também, pois qualquer coisinha acaba virando uma verdadeira bola de neve, uma palavra mal falada, uma data esquecida, um telefonema sem um “eu te amo” no final, ou um romantismo menor do que ela esperava.
Esse tipo de namorada é aquele que diz ao menos três vezes por dia que seu namorado não à ama mais, enquanto enche um lenço de muco.
E não é só os namorados que sofrem com elas, as amigas e as mães também, e chega um momento em que elas também ficam de saco cheio de tanto drama.

 

 

QUINTO TIPO

 

 

A viciada em datas.
Mas um tipo que pode adquirir as características de outro, às vezes do quarto, outras vezes do terceiro, e ainda de vez em quando a braveza do segundo.
É mais do que óbvio que nós homens somos péssimos com datas, eu por exemplo, várias vezes esqueci meu próprio aniversário, como poderia me lembrar do dia em que ouvimos pela primeira vez a música do relacionamento? (A música eu não esqueceria)
Esse tipo de namorada marca todos os tipos de data, desde os mais óbvios como primeiro beijo e primeiro encontro, até o aniversário da primeira vez que foram ao cinema, e coitado do namorado que esquecer dessas datas, porque além de ser assim, ela exige que o namorado também seja, e quando ele não lembra, aí ela ou faz o drama do quarto tipo, ou fica brava e da show como o segundo.
De qualquer maneira, é dureza, e arrisco dizer que esse é o pior tipo de namorada, porque para os outros ainda tem como dar um jeito e evitar crises, nesse caso não, uma vez esquecido, sempre esquecido, e quando chegarem as datas comemorativas, já será tarde demais para anotá-las, será um ano inteiro inevitável de brigas, dramas e xiliques.

 

 

_________________________________________________________

_________________________________________________________

 

 

Por hoje é só pessoal, mas na próxima terça teremos um Top 5 de como chamar atenção no Whatsapp, não percam, serão ótimas dicas, vocês vão se divertir.
Continuem mandando suas sugestões, estou curtindo os desafios, e os perigos, como no caso de hoje, e como sempre, vou adorar atender ao pedido de vocês.
Tenham um ótimo dia.
Abraços!

 

 

 

Gill Nascimento

As 5 Mais… Horóscopos e Signos!

Eu geralmente sou uma pessoa com muitas convicções, e que quando não sabe a resposta, ao menos conhece alguém que saiba, e que quando não conhece alguém que saiba, sabe exatamente onde encontrar (Google). Mas até hoje ainda não obtive uma resposta satisfatória que me explique o porquê de tantas mulheres, e alguns homens também, acreditarem em signos e seus horóscopos.
Tenho amigas, primas, tias e colegas que não fazem nada que contrarie as previsões de seus horóscopos, e isso me deixa maluco. Como alguém pode deixar uma pessoa (porque sim, é uma pessoa normal como nós, que escreve essas previsões) ditar a cor da roupa que ela vai usar no dia a dia, os números que ela escolherá se resolver jogar no bicho, e até mesmo o tipo de pessoa com quem ela vai se envolver?
Quando leio um horóscopo, geralmente por acidente, graças a astuta ideia dos jornais de colocarem sempre ao lado das palavras cruzadas e do Sudoku, sempre me pergunto de onde as pessoas que escrevem horóscopos tiram suas previsões.
Baseado em todo esse meu “amor” por esse assunto, hoje vou atender ao pedido da linda Clarice do Blog Book Without end, que pediu um Top 5 sobre Signos.
De início pensei em fazer, com todo meu peculiar jeitinho, minhas próprias previsões de signos, mas como não gosto de deixar ninguém de fora, seriam doze e não cinco tópicos, então decidi, ao invés disso, dar cinco dicas de como fazer o horóscopo que você, mulher, lê, e o que você, homem, diz que não lê, mas lê, funcionar de verdade.
Então vamos as 5 dicas de hoje, de como fazer o seu horóscopo funcionar…

PRIMEIRA DICA

Algo bem comum pelo que percebi nos horóscopos, é que sempre tem um signo ou dois que não está com muita sorte no amor, então o conselho é sempre algo do tipo:
“No amor, se aventure, mas cuidado pra não se envolver demais, pois o seu sentimento pode não ser retribuído, evite se machucar.”
Tudo bem, e se nesse dia em questão você conseguir enfim se aproximar daquela pessoa que há séculos esteve afim, e achava ser o amor da sua vida?
Isso mesmo, curta bastante, beije muito, abrace muito, e como diria Marcelo Rezende, faça muito sapeca iaiá, e depois simplesmente saia fora, se vista enquanto a pessoa dorme, a apague seu telefone nos contatos dela, e não a deixe acordar quando for embora.
Afinal galera, e daí que essa pessoa é legal, e você sente no fundo que pode dar certo, o horóscopo não pode ser contrariado, não é mesmo?

SEGUNDA DICA

Tem sempre os conselhos sobre como conduzir a sua vida financeira também, pois claro, quem escreve essas coisas deve focar principalmente suas leitoras e seus leitores inadimplentes, que possuem problemas com o consumismo, e não sabem administrar seus gastos, e com certeza se preocupa de verdade com essa classe de leitores, ao ponto até de perder o sono.
Então não é nada incomum ler algo do tipo:
“O momento é de cuidado, tente economizar, e organizar suas dívidas, pois precisará de estabilidade futuramente, a lua está em seu signo e isso simboliza que deve guardar apenas o que é seu, no trabalho, não espere muitas novidades.”
Aí você está voltando pra casa a noite do trabalho e avista uma nota de R$100 no chão, o que você faz?
Isso mesmo, deixa ela onde está, afinal é noite, a lua está acima de você, te vendo ainda por cima, e segundo ela você tem que guardar apenas o que é seu. Não contrarie o horóscopo e que se dane suas dívidas.

TERCEIRA DICA

Como esquecer os conselhos espirituais?
Difícil viver hoje em dia sem ter o psicológico e o emocional bagunçados, então o que seria de nós, meros mortais, que não temos a capacidade de arrumar nossa própria bagunça interna, senão fosse a pessoa que escreve esses benditos horóscopos?
Muito normal ler nesses casos algo como:
“Esse é o momento de olhar pra dentro de você, esse mês pede o questionamento de seus ideais, crenças e valores, para que você possa encontrar a sua felicidade, que no momento pode estar ausente, afim de viver de acordo com a sua própria verdade, encontrando assim satisfação.”
E você que estava plenamente feliz enquanto lia isso, o que faz?
Exatamente, fique na merda, pense nos problemas e nos motivos que têm pra ficar triste, porque segundo seu horóscopo, é assim que você deveria estar. Alcançado o objetivo, agora sim tente ficar feliz, seguindo os conselhos dessa pessoa iluminada que escreveu essa maravilha.

QUARTA DICA

Se você está completamente apaixonado, preste muita atenção nessa dica, pois ela pode ser de suma importância para o seu futuro.
Se tem algo que eu amo (pra não dizer o contrário) mais que os horóscopos nos jornais, são os horóscopos na internet, principalmente depois que criaram o botão de compartilhar, que faz tudo parar no Feed das nossas Redes Sociais, afinal, vai que eu esqueça de ir lá conferir as novidades dos signos, não é mesmo?
Dentre essas coisas, uma se destaca, a tal da combinação de signos.
Então se você está amando alguém nesse momento, e ainda não conferiu esse detalhe, vá em algum site de horóscopo e veja se seu signo combina com o dele(a), e caso a resposta seja não, por favor, trate de não postergar o que você deve fazer, terminar tudo, afinal, esse tal de horóscopo é sério e não erra.

QUINTA DICA

E como deixar de fora os búzios e o tarô?
Bem, essa questão é imprescindível, afinal, se você já acredita nisso (pra não dizer o contrário novamente) estando vendo uma cartomante fazer tudo diante dos seus olhos, como desacreditar de algo escrito no jornal, revista ou site da internet, que você não tem a mínima ideia se foram feito os procedimentos com as cartas e as conchas, como manda o figurino, não é mesmo?
Não dá, tem que acreditar.
Minha dica pra você, que acredita nisso, é que se, por exemplo, as cartas do tarô, disserem que você vai morrer num determinado dia, e o relógio marcar nesse dia 23 horas e 59  minutos e você ainda estiver vivo(a), se mate, afinal, como as cartomantes mesmas dizem: “As cartas não mentem!”

_________________________________________________________

_________________________________________________________

Por hoje é só pessoal, mas na próxima terça eu estarei atendendo ao pedido da linda Clara Mendes do Blog Psicologia e Algo Mais, que pediu um Top 5 dos piores tipos de namoradas, me colocando mais uma vez em perigo diante das minhas lindas leitoras, mas como eu não fujo da raia, missão dada é missão cumprida.
Continuem mandando suas sugestões, pessoal, e me colocando em problemas (risos), vou adorar atender o pedido de cada um!
Tenham um ótimo dia…
Abraços!

 

 

 

Gill Nascimento

As 5 Mais… Arrumando motivo para beber!

Hoje é terça, dia de “As 5 Mais”, que vem depois da segunda, dia de “Papo de Bar” aqui no Blog, e isso fez com que eu me perguntasse: “Por que diabos ainda não fiz um Top 5 de algum modo referente à bebida?”
Bem, esse dia chegou.
Eu sou uma pessoa que geralmente bebe socialmente, às vezes socializo até cair, confesso, mas no geral os motivos para beber são sempre os mesmos, ou para relaxar depois de um cansativo dia de trabalho, ou porque fui convidado para beber de graça, e claro, de uns tempos para cá, para criar artigos para o Blog nos dias de segunda.
Mas no bares da vida descobri que a maioria das pessoas só bebem se tiverem algum motivo, e assim justificam o porre, e nisso também já ouvi os piores motivos que vocês podem imaginar.
Mas estão enganados se acham que hoje vou listar os piores motivos que já ouvi, seria injusto, vou deixar isso para um Papo de Bar, assim não limitarei as risadas a apenas cinco exemplos. Hoje na verdade vou listar 5 dicas de como arrumar os melhores, mais óbvios, usados e justos motivos para beber.
Então vamos “As 5 Mais” de hoje…

PRIMEIRA DICA

Não existe motivo mais aceitável para beber do que uma boa briga conjugal, na verdade acho que essa, possivelmente, foi a primeira justificativa usada após um porre, na história da existência humana.
Se existissem destilados na época de Adão, seria quase certeza que Eva teria sido a causadora do primeiro porre da história, ou o próprio Adão, é claro.
Então se você quer sentar diante do balcão de um bar, e encher a cara com todos os méritos, e de quebra ainda ter direito a terapia gratuita com o Barman, siga minhas dicas:
HOMEM – Compre um batom e suje o colarinho da sua camisa, e aproveite e passe um pouco de perfume feminino só pra garantir o sucesso do plano. Chegue em casa e deixe a camisa bem à vista, em cima da cama é um ótimo lugar, aproveite e deixe a toalha molhada também.
MULHER – Compre um chip pré pago de qualquer operadora e mande um SMS bem comprometedor para seu número pessoal, e deixe bem à vista do seu marido/namorado “acidentalmente”.
Se isso não garantir pra vocês um bom motivo para sair e encher a cara até amanhecer, eu mudo meu nome.

SEGUNDA DICA

Outro motivo muito usado e justo para sair e encher a cara é a tristeza. Nada como lamentar e até chorar, enquanto recebe todo apoio do mundo de uma garrafa que se esvazia cada vez mais rápido conforme a nossa cara enche.
Mas não é sempre que acontecem coisas ruins com a gente para que precisemos chegar a tal ponto, e graças à Deus por isso.
Ainda assim certa vez ouvi um amigo reclamar porque sua vida estava monótona demais, e que não haviam motivos nem para beber, nada para comemorar, nada que necessitasse de uma boa afogada de mágoas, chegando ao ponto de dizer que uma desgraça cairia bem, para ele poder se embriagar sem sentir um peso na consciência.
Então vai aí uma dica de como ter um bom motivo para sair e entortar o caneco sem ser julgado por ninguém:
Lembram do “Um Amigo” do texto “As 5 Mais” da semana passada? (Senão leu, clique AQUI)  Então, matem ele. Toda vez que alguém perguntar o porquê de você estar bebendo como se não houvesse amanhã, diga que Um Amigo morreu. Só não esqueça de parecer bem triste hein!

TERCEIRA DICA

Outro muito válido motivo para sair e tomar todas, é a comemoração, mas se mesmo sendo brasileiro, não é todo dia que temos motivos para lamentar, como na dica anterior, imagine então para comemorar.
Nessa hora o Facebook pode ser muito útil, porque só existem dois tipos de pessoas naquele site, as que são felizes demais e ficam enchendo seu feed de fotos cheias de dentes e frases motivacionais como legenda, e aquelas que são revoltadas demais e ficam o dia todo postando textões reclamando de algo.
Então vai aí a dica que irá te ajudar a sair e beber ate cair, enquanto comemora algo:
Sabe aqueles 1000 amigos que você tem no Facebook, dos quais 50 são amigos mesmo, outros 50 são parentes, outros 50 são conhecidos, 350 você tem a impressão que conhece de algum lugar, e 500 você nem sabe como pararam na sua lista de contatos da Rede?
Então, preste atenção, algum deles estará comemorando algo, e então se ofereça pra pagar umas e outras pra comemorar, como um bom amigo que você é.

QUARTA DICA

Talvez o motivo mais usado seja beber para esquecer os problemas, mas nem todo problema pode ser usado como desculpa, senão no mundo só existiriam alcoólatras e donos de bares.
Um problema que justifique uma memorável ressaca no dia seguinte, tem que ser um baita de um problemão, para depois as pessoas não te criticarem por ter bebido, mas te consolarem dizendo que te entendem.
Pelo amor de Jesus Cristo, não vá sair por aí arrumando um problema novo e maior do que os que você já tem, pegue um problema que já é seu e faça um Upgrade, personalize ele.
Tipo aquela dívida que você vai ter que fazer milagre para conseguir pagar de uma vez, aumentea ainda mais, ao ponto de te deixar sem sono, e depois pague parcelado mesmo, afinal, o que é um peido pra quem já está na merda?

QUINTA DICA

Agora com certeza esse é o motivo mais válido para entornar todas, que é não saber o que fazer da vida e simplesmente estar se sentindo sufocado com tudo, tipo aquele papo de quem está na beirada do último andar de um edifício ameaçando se jogar.
Aí vocês perguntam “Caramba, Gill, agora você vai querer que a gente transforme a nossa vida num inferno, só para ter um motivo válido para sair e beber até cair?”.
Lógico que não, até porque suas vidas já são um inferno, depende só de olhar do ponto de vista correto.
Quem aí nunca viu uma gota d’água se transformar em uma tempestade, durante uma crise de TPM da sua progenitora?
Então, olhe a sua vida com os olhos da sua mãe na TPM, e solte o verbo e os palavrões. Reclame de tudo, se sinta sufocado(a), diga que a qualquer dia vai sumir, fale que ninguém te valoriza, quebre uns pratos se possível, e então, e não antes de dar um grande show, vá para o bar e não volte enquanto não conseguir mais andar com as próprias pernas.

________________________________________________
________________________________________________

Por hoje é só, pessoal, mas na próxima terça tem mais, ainda não sei sobre que asneiras falarei, mas falarei sobre algo, me ajudem a subir o nível dessa categoria, pelo amor de Deus, mandem aquelas dicas show de temas para um Top 5, aqui nos comentários ou na página de sugestões, irei atender com todo carinho.

Fiquem na paz!

Gill Nascimento

As 5 Mais… Manias chatas de leitores viciados!

image

Olá, queridos amigos e amigas, que lêem esse Blog, às vezes tão sem noção, mas sempre com a melhor intenção: Arrancar um sorriso aí de vocês!
Hoje é dia de “As 5 Mais”, e o tema de hoje é um pedido da querida Lele Zucco do Blog Marcianos Sabem Ler, que pediu um Top 5 de manias chatas de leitores viciados.
Claro, esse tema eu não poderei generalizar como faço na maioria das vezes, pois cada um tem sua mania, cada um tem suas maneiras de ler, e de lidar com os infortúnios enquanto isso.
Nesse caso então, citarei 5 manias minhas mesmo, mas como tenho notado aqui que muita gente compartilha das minhas loucuras, acho que a identificação acontecerá como sempre.
Mas vamos as cinco manias chatas de um leitor viciado:

PRIMEIRA MANIA:

Querer silenciar o mundo.
Eu, por exemplo, poderia estar lendo num banquinho no pátio de uma escola do ensino fundamental, na hora do intervalo, ainda assim, eu iria querer que todas as crianças da escola se calassem para que eu pudesse ler em paz.
Quando estou lendo dentro de ônibus, metrôs, trens, a  história se repete, minha vontade era de mandar todo mundo calar a boca porque eu gostaria de ler sossegado, mas seria perigoso que eu acabasse apanhando, ou fosse internado num sanatório, por ser mais louco do que naturalmente sou.

SEGUNDA MANIA:

Se tornar anti social.
Eu quando estou lendo, simplesmente me  desligo do mundo, mas pra minha infelicidade, invisível eu não fico.
Então quando alguém tenta falar comigo, a minha primeira vontade é de agredir fisicamente, mas sou uma pessoa pacífica, aí nesse caso resolvo simplesmente ignorar e fingir que a pessoa inoportuna é invisível.
Mas o problema é que quando tornamos as pessoas invisíveis, elas se esforçam para nos lembrar que são audíveis.
Aí voltamos lá pra cima, pro primeiro tópico.

TERCEIRA MANIA:

Tornar o livro um exemplo pra tudo.
Eu sou assim, confesso, quando estou fissurado em um livro, seja qual for o assunto que vierem falar comigo, eu vou citar o livro como exemplo, não tem jeito.
Sabe aquela hora em que você está no bar falando sobre futebol americano com seus amigos, aquele papo cheio de testosterona, e do nada você cita algo de “A Cabana” de William P. Young, e na sua mente de leitor você está completamente certo, quem não entendeu é que deveria ler mais.
Mas não, você não é mais intelectual que os outros porque lê mais, você só é mais chato mesmo.

QUARTA MANIA:

Se tornar um CSI e desenterrar tudo sobre o autor(a).
Eu sou daqueles leitores chatos, que quando se apaixona por um livro, se apaixona por quem escreveu também. Tento saber tudo sobre a vida da autora ou autor, e aí adapto essa mania chata à mania anterior.
Nessa mania, sempre que alguém vier falar com você sobre uma pessoa, seja ela famosa ou não, você sempre vão citar algo da vida do escritor ou escritora, como exemplo, deixando a outra pessoa na conversa com cara de “De quem é mesmo que esse retardado está falando?”.

QUINTA MANIA:

Declarar falência devido um autor.
Essa é pior de todas as manias, ou não, vai depender muito.
Essa é aquela mania que faz a pessoa comprar todos os livros de um escritor, só por causa de um livro dele que ela leu.
Eu por exemplo, tenho todos do Sidney Sheldon, todos da Agatha Christie, do Dan Brown, entre outros escritores e escritoras.
Tudo bem quando você lê os livros de escritores que escreveram poucos livros, e é até legal, dá um up na sua estante.
Mas e se você pega amor por um livro de um escritor como o Dr. Ryoki Inoue, por exemplo? Nesse caso pode dar adeus ao dinheiro da sua poupança, vender o carro, colocar as crianças numa escola pública, senão não vai dar não.

MANIA BÔNUS:

Se tornar uma mente criminosa. (Dica da Mayara do Blog Coelho da Lua)
Isso mesmo que vocês leram, essa mania faz os leitores viciados planejarem vários homicídios, não chegam a concluir seus planos, mas que planejam, sim, isso acontece.
Na verdade acho que deveria ser feita uma apurada pesquisa para saber se algum crime foi cometido devido isso.
Essa mania é: QUERER MATAR QUEM FAZ ORELHA EM PÁGINAS DE LIVROS.
E deixo claro, apaixonados por livros não sentem ódio ao ver isso apenas em seus livros, sentimos ódios ao ver isso em qualquer livro, seja ele de quem for.

_

Gill Nascimento

______________________________________________________________
______________________________________________________________

Por hoje é só galera, mas na próxima terça teremos mais, e o tema da vez será “Os 5 maiores micos de um casal”, pedido que eu adorei, da querida Mônica T. Maia, do Blog Boas Conversas.
E se você aí tem um tema que acha que seria legal abordar aqui nessa categoria de textos, fique à vontade para sugerir aqui mesmo nos comentários, ou se preferir, lá em cima na página de sugestões, vou adorar atender ao seu pedido.